Seu cliente acha seu produto caro? 6 dicas para te ajudar nessa situação!

tempo-de-leitura Tempo de leitura: 4 minutos

Muitas vezes ouvimos aquela frase “mas está muito caro!” quando estamos oferecendo um produto ou serviço. As pessoas tendem, em primeiro momento a pesquisar algo mais barato. Usam a internet para fazer comparações e buscar o menor preço. Sabemos que nem sempre esse é o melhor caminho, já que muitas vezes o barato pode sair realmente caro.

Mas em vez de ficarmos criticando a posição dos clientes e entendendo que realmente estamos vivendo um momento de crise em nosso país, precisamos pensar melhor em estratégias para mudar essa percepção do cliente. O fato é que se o público está achando tudo que você faz muito caro, algo precisa ser mudado. Os problemas podem ir de um erro de cálculo no momento da precificação até a definição de um público alvo e mesmo uma forma de se comunicar e  divulgar seus produtos e serviços que não está sendo eficiente.

Para te ajudar selecionei 6 dicas que para mostrar ao cliente que seu produto ou serviço não é tão caro quanto ele pensa.

6 dicas para te ajudar quando o cliente acha seu produto caro

1- Reveja seus cálculos

Antes de pensarmos na relação com o cliente é importante dar uma nova olhada nos seus cálculos. Será que sua precificação está correta? Você está fazendo um preço apenas usando a comparação do mercado ou está considerando todos os custos? Hora de colocar a mão na massa e rever suas planilhas com cuidado. afinal a grana ainda mesmo muito curta em nosso país e as pessoas estão escolhendo mais na hora de consumir. E se você ainda não tem planilhas e não sabe bem por quê está com estes preços, pare tudo e dedique um tempo a estes cálculos. Isso é super importante para o seu negócio.

2- Você sabe mesmo quem é seu público-alvo?

Será que você está falando com as pessoas certas? A sensibilidade ao preço é diferente em certos públicos de interesse. Então é preciso alinhar bem o que você oferece e pra quem você oferece. Conhecer a realidade econômica e o que seus clientes vêm consumindo vai te ajudar a traçar estratégias melhores de preço para este público.

3- Mostre o porquê

Preocupe-se em mostrar para seu cliente porque seu trabalho vale a pena. Fale sobre seus diferenciais do mercado, suas qualidades. Um bom prazo de entrega, um atendimento cordial, praticidade do serviço, possibilidades de customização, exclusividade, tudo isso conta. Deixe claro para ele tudo de bom que vai receber pelo que vai pagar.

4- Entenda o que o cliente precisa

Procure entender o que o cliente precisa. No caso de produtos, será que não há outras opções mais baratas que você possa oferecer e atenda as necessidades do cliente? Se for um serviço, por exemplo, será que o cliente precisa mesmo de um pacote tão completo? Criar opções menores acessíveis podem ser um caminho.

5- Capriche na divulgação

A maneira como você divulga seus produtos também é determinante para a percepção de preço do cliente. É preciso que a forma como você divulga valorize as características e diferenciais dos seus produtos ou serviços. Seja em um fanpage caprichada, um perfil de Instagram com fotos de boa qualidade, em um site completo ou em uma loja. O importante é que o cliente possa sentir de um jeito positivo tudo que envolve a experiência de consumir aquele produto.

6.Às vezes é preciso dizer não

Nem sempre o cliente tem razão. Se a negociação perdeu o rumo e até o respeito e tudo que o cliente busca é uma pechincha, simplesmente diga não.  Podemos manter negócios com margens de lucro pequenas e proporcionar preços acessíveis, mas nunca perder dinheiro e cobrar menos do que nossa empresa precisa para sobreviver.

Espero que essas dicas te ajudem a pensar nos seus preços e vender cada vez mais e melhor.

Gostou do artigo? Está precisando de ajuda para começar seu negócio? Quer ajuda para divulgar sua empresa? Conheça as soluções para as Mães Empreendedoras:

Cursos para Mães Empreendedoras 

Envie um e-mail para mim: maria@maesempreendedoras.net.br

Sobre a autora

Maria Cristina Bernardo

 

Mãe do Guilherme, do João e da Júlia. Pedagoga, Especialista em Sustentabilidade e Gestão de Pessoas, Blogueira . Mãe empreendedora que vem enfrentando há 9 anos todos os desafios de trabalhar em casa.

 

Fonte de imagens: Google

Clique aqui e receba dicas e conteúdos pra te ajudar com seu negócio e ainda conheça nossas empresas parceiras do Clube Mães Empreendedoras.

Anúncios

O que você achou? Deixe seu comentário aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s